terça-feira, 19 de junho de 2012

Com festa, moçambicano chega ao Rio e diz que foi ameaçado pela Vale


Impedido de entrar no Brasil na semana passada, o jornalista e ativista moçambicano Jeremias Vunjanhe foi recebido na noite da segunda-feira (18) com festa no aeroporto internacional do Galeão, na zona norte do Rio.
Cerca de cem pessoas do movimento Justiça Ambiental-Amigos da Terra, do qual ele faz parte, recepcionaram o jornalista.
O ativista, que foi impedido de entrar no Brasil pela Polícia Federal de São Paulo no dia 12, vai participar de debates na Cúpula dos Povos, um dos eventos paralelos da Rio + 20.


Confira na Folha.com

Um comentário:

zealfredo disse...

Confira que a Folha promete fechar o conteúdo a partir de quinta-feira próxima (21/06).