sábado, 9 de agosto de 2008

Fraude no Detran







PT defende o afastamento do presidente do TCE e a continuidade das investigações pela Assembléia Legislativa

As duas representações apresentadas pelo Ministério Público estadual ao procurador-geral da República, Antônio Fernando de Souza, pedindo que seja investigada a participação do deputado federal José Otávio Germano (PP) e do presidente do Tribunal de Contas do Estado, João Luiz Vargas, na fraude do Detran, legitimam o voto contrário da bancada do PT ao relatório oficial da comissão de inquérito, elaborado pelo ex-líder do governo Yeda na Assembléia Legislativa, Adilson Troca (PSDB), afirmou hoje (08) a deputada Stela Farias (PT/RS).
“As novas denúncias confirmam o envolvimento de pessoas muito próximas do governo do Estado no esquema fraudulento. Tínhamos certeza que as interceptações telefônicas com mais de 20 mil horas de gravações, das quais ouvimos apenas 10 horas na CPI, revelariam as relações direta com os personagens-chave do escândalo de corrupção”, avaliou a parlamentar.

Stela lembrou que as escutas telefônicas que embasaram o MP são as do dia 29 de outubro de 2007, quando a Polícia Federal obteve imagens que mostram que malas de dinheiro eram levadas para o apartamento do ex-diretor da CEEE e ex-superintendente da Assembléia Legislativa, Antônio Dorneu Cardoso Maciel, réu no processo judicial relativo ao caso da fraude do Detran, por sua atuação direta no esquema que desviou mais de R$ 40 milhões dos cofres públicos.

As interceptações telefônicas desse dia revelam diálogos entre José Otávio Germano e Maciel, sendo que o mesmo pergunta “quanto é?”. Germano responde, “sete um”. Maciel diz então, “veio sete zero”. Além das gravações telefônicas, imagens das câmeras de um flat registraram o ex-coordenador do projeto Detran na Fundae, Rubem Höher, chegando com uma mala para um encontro com Maciel. No depoimento na Polícia Federal, ele admitiu ter entregue R$ 175 mil a Maciel.

Leia mais no sítio: stelafarias.com.br

Tcheca conquista no tiro a primeira medalha de ouro dos Jogos de Pequim

Katerina Emmons vence a final na carabina de ar 10m; russa leva a prata, e croata, o bronze, e completam o primeiro pódio das Olimpíadas de 2008.


Vejam mais no Globo.com.

Diogo Mainardi processa Luis Nassif

O colunista Diogo Mainardi, da Veja, sempre afirmou que “questões de imprensa devem ser resolvidas no âmbito da imprensa. É a regra número um do meu código de ética profissional”. Entretanto, ele entrou com um processo por danos morais contra o Ig e o jornalista Luis Nassif.

Mais no Comunique-se.

Espanha diz que regra da UE sobre imigrantes não será aplicada no país

A primeira vice-presidente do Governo espanhol, María Teresa Fernández de la Vega, garantiu hoje em Santo Domingo que a direção de retorno de imigrantes da União Européia (UE) não será aplicada na Espanha.

Ela se expressou assim durante conversa que manteve com um grupo de mulheres no Instituto Internacional da ONU para a Promoção da Mulher (INSTRAW), perante a preocupação mostrada por algumas das participantes sobre o que significará a norma da UE.


"A direção de retorno não foi nem será aplicada na Espanha", assegurou a vice-presidente do Governo entre aplausos das presentes.

Mais no G1.


Etiópia pede ajuda internacional para deter crise de fome no país

A Etiópia anunciou hoje que aumentará o pedido de ajuda internacional, pela terceira vez neste ano, para combater a fome da população do país, causada pela seca e uma alta no preço dos alimentos, e criticou as nações doadores por não comprometer mais recursos.

"É obrigação da comunidade humanitária ver que as necessidades (das povoações afetadas) são satisfeitas", disse Simon Mechale, que lidera a Agência de Assistência aos Desastres da Etiópia.


Segundo ele, as agências e organizações internacionais de assistência humanitária não puderam entregar toda a ajuda que tinha sido estabelecida conjuntamente com as autoridades etíopes, que seguem tentando obter fundos dos doadores para poder alimentar 4,6 milhões de pessoas famintas.

Mais no G1.


sexta-feira, 8 de agosto de 2008

Sistema de Saúde britânica suspende disponibilidade de remédios contra câncer

O Sistema Nacional de Saúde britânico (NHS) causou polêmica nesta quinta ao anunciar que deixará de disponibilizar para as pessoas com câncer de rim quatro remédios que podem prolongar suas vidas, pois argumenta que os mesmos são caros demais.

Grupos de pacientes que têm a doença afirmaram que a decisão, tomada pelo Instituto Nacional de Saúde e Excelência Clínica (Nice, na sigla em inglês) e que será aplicada na Inglaterra e no País de Gales, condenará muitas pessoas à "morte antecipada".


Os quatro remédios são Sutent, Avastin, Nexavar e Torisel e podem prolongar em até dois anos a vida dos pacientes que têm câncer de rim, embora não curem a doença caso ela esteja em estado avançado.


Mais no G1. Eu acredito que o sistema de saúde britânico foi um dos modelos que inspirou a criação do SUS.


Petrobras anuncia compra de empresas de distribuição de combustível no Chile

Rio de Janeiro - A Petrobras anunciou hoje (8) a compra de postos de combustível e de serviços nos mercados de varejo, industrial e de aviação da ExxonMobil na Esso Chile Petrolera e em outras empresas chilenas associadas. O negócio custou US$ 400 milhões. Segundo a estata brasileiral, o valor será pago no segundo trimestre do próximo ano, quando deverá ocorrer a transferência do controle dos ativos.

Em nota, a Petrobras informou que, com a aquisição dessas empresas de distribuição e logística, a estatal vai garantir serviços de alta qualidade aos consumidores, acumulando a excelência em atendimento ao cliente e as qualificações técnicas dos 1.320 empregados locais da Esso Chile.


Texto completo na Agência Brasil.

Garcia estranha notícia sobre as Farc quando Brasil e Colômbia buscam diálogo

O assessor especial para assuntos internacionais da Presidência da República, Marco Aurélio Garcia, considerou sintomático que a revista colombiana Cambio tenha publicado matéria sobre a existência de um suposto envolvimento de autoridades do primeiro escalão do governo brasileiro com as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc), no momento em que os dois países buscam o dialogo e o entendimento.

“Eu acho muito sintomático que num momento em que tem havido uma aproximação muito grande entre o Brasil e a Colômbia, na qual todos nós contribuímos, e o presidente Lula foi o principal mentor, surja uma matéria como essa”, afirmou.

O assessor manifestou estranheza com “o oportunismo da publicação da matéria” por parte da revista colombiana.

“Eu, particularmente, acho que a matéria tem um caráter de provocação. Porque ela menciona genericamente pessoas que aparecem nos relatórios - fulano, beltrano e cicrano -, mas não diz como aparece, e surge em um momento em que há um entendimento tão estreito entre os presidentes Lula e Álvaro Uribe. É um entendimento sincero, e volto a ressaltar a minha estranheza que surja neste momento uma matéria como essa.”

Garcia afirmou que em nenhum momento manteve, nem mesmo por meio de terceiros, qualquer contato com as Farc.

“Mais do que isso. Antes mesmo do começo do governo do presidente Lula, mas com ele já eleito, eu tomei a iniciativa de procurar o embaixador da Colômbia no Brasil e deixar claríssimo para ele que nós só manteríamos relações com o governo colombiano. Até porque, na época já havia especulações sobre isto ou aquilo [envolvimento de brasileiros com as Farc]”, afirmou o assessor presidencial.


Vejam mais no site do PT-Partido dos Trabalhadores.

Defensor da tortura, Bolsonaro deve enfrentar processo na Câmara

O grande erro foi ter torturado e não matado”. Essa frase dita pelo deputado Jair Bolsonaro (PP-RJ) durante bate-boca com manifestantes do Grupo Tortura Nunca Mais de Goiás e da União Nacional dos Estudantes (UNE) que protestavam na quinta (7), no Rio de Janeiro, em frente ao Clube Militar, contra ato dos militares da reserva que criticavam a posição de ministros do governo Lula a favor de punição para os crimes de tortura cometidos no regime militar, pode custar caro para o parlamentar fluminense. A liderança do PCdoB na Câmara dos Deputados debate na próxima terça (12) se ingressa com uma representação contra o deputado no Conselho de Ética da Casa por quebra do decoro parlamentar.

“Isso é uma incitação à violência e um atentado contra os direitos humanos”, reagiu a deputada federal Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM) para quem é preciso dar uma basta no comportamento “destemperado” do parlamentar. “Não é a primeira fez que ele tem esses ataques. Em outras ocasiões já demonstrou descontrole com os seus próprios colegas de parlamento”, disse a deputada, que vai levar a proposta de representação para a reunião da sua bancada.


Vejam o texto completo no VermelhoOnline.

Conflito Rússia-Georgia-Ossétia


O conflito do ponto de vista dos russos (Vejam mais detalhes em Ria Novosti).

Putin advierte a Bush que comenzó una guerra en Osetia del Sur a raíz de la agresión georgiana

Tropas georgianas rematan a los militares heridos de las fuerzas rusas de paz.

Militares rusos destruyeron las posiciones de las tropas georgianas en Tsjinvali.

Rusia cierra comunicación aérea con Georgia.

Tanques russos entram em região rebelde da Geórgia

Cerca de 150 tanques e outros veículos militares russos entraram nesta sexta-feira na capital da Ossétia da Sul, região separatista da Geórgia, apenas horas depois de o governo da Geórgia anunciar que havia tomado controle da cidade, Tskhinvali.

Veja na BBCBrasil.com.

EUA: Pesquisadores planejam computador de R$ 19

EUA - Uma equipe de alunos do Instituto Tecnológico de Massachusetts (MIT), nos Estados Unidos, está trabalhando em um novo projeto: um computador de mesa de US$ 12 (cerca de R$ 19). Assim como o OLPC, que tem como objetivo criar um notebook de baixo custo para estudantes, o aparelho será direcionado a países em desenvolvimento.


Texto completo no JBOnline.

Colômbia cogita enviar tropas ao Afeganistão

Claudia Jardim
De Caracas para a BBC Brasil

O governo da Colômbia estuda a possibilidade de enviar soldados ao Afeganistão para se incorporarem às operações militares comandadas pela Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan), que atua no país asiático desde 2003.

Se isso for confirmado, a Colômbia, principal aliado dos Estados Unidos na América Latina, poderá se tornar o primeiro país da região a colaborar com as tropas no Afeganistão.

LEIA MAIS AQUI.

A culpa pelo genocídio de Ruanda

Mais um capítulo de uma história muito mal resolvida.

O governo de Ruanda ontem divulgou um relatório em que acusa formalmente a França de ser conivente com o genocídio de 1994. Como se fosse pouco, pede nada menos do que a punição a três ex-primeiros-ministros (Edouard Balladur, Alain Juppé e Dominique de Villepin) e aponta o dedo para um totem da política francesa, o falecido presidente François Mitterrand.

As acusações são de que os franceses financiaram e forneceram apoio político e logístico para que o então regime hutu organizasse e executasse o mais rápido genocídio da história moderna. Em menos de três meses, mais de 1 milhão de cidadãos da etnia tutsi, rival histórica dos hutus, foram massacrados.

veja mais no Blog da Folha - Pé na África.

Tibetanos protestam no Nepal e na Índia contra os Jogos Olímpicos

Monges em Katmandu fizeram ato contra a repressão no Tibete.
Na Índia, polícia teme que manifestantes tentem se imolar com fogo.
Veja a notícia no G1.

Morre Juan Bustos, ícone anti-Pinochet

O presidente da Câmara dos Deputados do Chile, Juan Bustos, conhecido pela defesa dos direitos humanos e por denunciar os abusos da ditadura de Augusto Pinochet, morreu em um hospital de Santiago na quinta-feira (7), depois de uma luta contra o câncer de fígado.


Bustos, importante professor de direito e membro do partido socialista, havia sido eleito presidente da Câmara neste ano. Ele tinha 72 anos.


"A presidente declarou três dias de luto nacional", disse o porta-voz chefe do governo, Francisco Vidal. "Em uma palavra, hoje um homem bom nos deixou, um homem muito bom."

Mais no G1.


Pesquisas e análises reafirmam liderança de Morales em referendo boliviano

As pesquisas eleitorais coincidem com as opiniões dos especialistas nesta última semana na Bolívia: o presidente Evo Morales e a maioria dos oito governadores do país devem se manter no cargo após o referendo revogatório do dia 10 de agosto. Embora as projeções indiquem uma queda na popularidade do líder boliviano, é provável que ele continue no cargo.

De acordo com uma pesquisa publicada na última segunda-feira (4) pelo jornal "El Deber", o presidente teria 54% das intenções de voto, contra 41% dos eleitores que votariam no "não". No entanto, o estudo mostra uma polarização do país, já que, se dependesse do departamento de Santa Cruz, por exemplo, o presidente deixaria o governo - com 70% de votos no "não". Essa tendência se repete em Chuquisaca (59%), Tarija (61%) e Beni (57%).

Mais no G1.

Hamas liberta 150 membros do Fatah

O Hamas libertou nesta quinta-feira 150 prisioneiros membros do Fatah, entre eles um importante dirigente, que havia sido preso na Faixa de Gaza depois de um mortífero atentado a bomba cometido em julho, anunciou um representante do movimento radical islâmico, que controla este território desde junho de 2007.

"Os serviços de segurança do Hamas libertaram cerca de 150 prisioneiros detidos nos últimos dias", afirmou em comunicado o porta-voz do ministério do Interior na Faixa de Gaza, Ihab al-Hussein.

Notícia completa no G1.


Geórgia ataca república separatista da Ossétia do Sul

Tropas da Geórgia atacaram a república separatista da Ossétia do Sul nesta quinta-feira (7) poucas horas depois de os dois lados terem concordado em começar negociações no dia seguinte. A cidade de Tskhinvali foi cercada, segundo o governo da Geórgia.

"Separatistas abriram fogo nas vilas georgianas de Prisi e Tamarashei, e tivemos que retornar o fogo", disse o secretário do Conselho de Segurança Nacional da Geórgia Kakha Lomaia à Reuters.

Mais no G1.


Tribunal de Guantánamo condena motorista de Bin Laden a 5,5 anos

Salim Hamdan, ex-motorista do líder terrorista Osama bin Laden, foi condenado nesta quinta-feira (7) a 66 meses (5 anos e meio) de prisão pelo crime de "apoio material ao terrorismo".

O promotor do tribunal militar americano de Guantánamo (Cuba) havia pedido uma pena "de no mínimo 30 anos" para Hamdan.

Mais no G1.


Embraer confirma demissões no Brasil

O Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos afirma que as demissões podem ter chegado a 500 funcionários, segundo informações não-oficiais, uma vez que a companhia também não informou oficialmente o sindicato do número exato de demitidos.


O sindicato disse que as demissões aconteceram nos dias 4 e 5 deste mês, atingindo principalmente a área administrativa, mas também engenheiros e técnicos. A entidade questionou a necessidade das demissões, num momento em que a Embraer atinge números recordes de produção e lucratividade.

Notícia completa no G1.


Ato de militares no Rio termina com protesto contra tortura

Uma manifestação de estudantes e membros do movimento “Tortura nunca mais” protestaram nesta quinta (7) em frente à sede do Clube Militar, no Rio, onde militares se reuniram no seminário “A Lei de Anistia – alcance e conseqüências”.

Aos gritos de “Tortura nunca mais, pela vida, pela paz”, os manifestantes aguardavam a saída do militar da reserva Carlos Alberto Brilhante Ustra, ex-comandante do Doi-Codi (Destacamento de Operações de Informações do Centro de Operações de Defesa Interna) do 2º Exército, em São Paulo, no período de 1970 e 1976.

Mais no G1.


Correspondência com pó desconhecido força evacuação de andar do STF

Uma carta com um pó desconhecido, endereçada ao presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes, forçou a evacuação do terceiro andar do prédio do órgão na tarde desta quinta-feira (7).

A assessoria de imprensa do tribunal relatou que, às 17h45, um funcionário do STF abriu uma correspondência endereçada a Mendes. Do envelope, de acordo com o Supremo, teria caído um pó desconhecido e com cheiro forte.

O odor teria se espalhado pela tubulação de ar condicionado do terceiro andar, onde fica o gabinete da presidência. A carta anônima tinha teor ofensivo ao presidente do STF, mas seu conteúdo não foi revelado.

Mais no G1.

Após críticas de militares, Vannuchi diz que nunca pediu revisão da Lei da Anistia

O ministro Paulo Vannucchi (Secretaria Especial dos Direitos Humanos), negou hoje que tenha proposto junto com o ministro das Justiça, Tarso Genro, a revisão da Lei de Anistia, no que diz respeito aos militares acusados da prática de tortura durante a ditadura.

"Os discursos são públicos e são transcritos. Nem eu nem Tarso Genro dissemos isso. Nunca falamos que queríamos rever a Lei da Anistia.

Vannuch disse que há necessidade de responsabilização no caso da tortura, mas que o foco dos direitos humanos "não é o olho por olho, dente por dente" e sim "a paz".

"E fazer a paz exige o conceito de reconciliação. Agora, não venham, cobrar se a reconciliação se dê sem a verdade. O Brasil precisa saber o que aconteceu. Precisa saber que o [Wladimir] Herzog e o Rubens Paiva não desapareceram, foram presos e assassinados pelo aparelho de repressão. Não fazemos isso em enfrentamento, mas em defesa das Forças Armadas".

Mais na Folha Online.


Militares atacam governo Lula e pedem investigação sobre suposto envolvimento com as Farc

Em encontro realizado nesta quinta-feira no Clube Militar do Rio de Janeiro, militares da reserva criticaram o governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, integrantes do governo, ministros e ex-ministros ao citar reportagem publicada pela revista colombiana "Cambio", que apontou o suposto envolvimento de políticos brasileiros ligados ao governo com as Farc (Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia).

O encontro foi realizado para debater a Lei da Anistia e serviu de retaliação à tentativa do ministro da Justiça, Tarso Genro, de reabrir a discussão sobre a lei para punir agentes do Estado que cometeram crime de tortura no regime militar. Cerca de cem militares da reserva participaram do debate, entre eles Carlos Alberto Brilhante Ustra, coronel reformado do Exército, que comandou no início dos anos 70, o DOI-Codi de São Paulo, órgão de repressão do regime.

Mais no UOL Notícias.

Governo Morales diz que Bolívia está no limite de um golpe de Estado

O Governo de Evo Morales advertiu hoje que a Bolívia está no "limite de um verdadeiro golpe de Estado contra a ordem constitucional" para derrubá-lo, e atribuiu o plano aos governadores regionais opositores de regiões autonomista.

O ministro da Presidência, Juan Ramón Quintana, se referiu ao suposto complô em declarações realizadas à rádio estatal "Patria Nueva", na cidade de amazônica de Trinidad, no departamento de Beni.

Quintana, o braço direito de Morales no Governo, disse que esta ação está sendo gerida "ao típico estilo das ditaduras que antecederam a recuperação da democracia em 1982".

Mais no UOL Notícias.

Supremo proíbe uso abusivo de algemas

O STF (Supremo Tribunal Federal) decidiu nesta quinta-feira proibir o uso abusivo de algemas. Por unanimidade, os ministros concluíram que as algemas devem ser utilizadas apenas em casos excepcionais ou quando há ameaça ao acusado, ao policial ou outras pessoas. A decisão envolveu uma ação específica, mas poderá servir como recomendação para outras situações semelhantes.

O presidente do STF, ministro Gilmar Mendes, disse que a decisão terá efeito vinculante. Na prática, significa que a decisão deverá ser adotada pelos juízes federais e estaduais. Para os ministros, os presos devem ser algemados apenas quando oferecer ameaça ao acusado, ao policial ou outras pessoas.

O ministro-relator Marco Aurélio Mello --da ação ingressada por um réu condenado por homicídio em Laranjal Paulista (SP), que critica o fato de ter sido algemado durante todo o período que durou o tribunal de júri-- entendeu que houve abuso no uso de algemas no caso do denunciado.

Mais na Folha Online. Comentário: De acordo com a notícia, a decisão me parece um tanto absurda. Um réu condenado por homicídio, um assassino portanto, reclamando por "uso abusivo de algemas". Quem garante que um assassino, com as mãos livres não agirá no sentido de fugir, atacando policiais ou agentes penitenciários, quiçá matando mais?


quinta-feira, 7 de agosto de 2008

El Gobierno de Morales advierte de que Bolivia está "en el umbral" de un golpe de Estado

Según el ministro de la Presidencia, Juan Ramón Quintana, existe un plan de parte de los prefectos opositores de las regiones autonomistas para derrocar al Gobiern.



Vejam o texto completo no ELPAÍS.com

Petrobras anuncia nova reserva de petróleo na área pré-sal

Rio de Janeiro - A Petrobras anunciou nesta quinta-feira (7) a descoberta de uma nova reserva de petróleo na área do pré-sal, na Bacia de Santos.

A estatal é a operadora do consórcio que atua na área da nova descoberta, com 65% de participação, o BG Group com 25% e Galp Energia, com 10%.

A descoberta se deu no bloco BM-S-11 (Bacia Marítima de Santos 11), localizado em águas ultraprofundas e comprovou a ocorrência de mais uma jazida de petróleo leve, com densidade em torno de 30ºAPI.


Vejam na Agência Brasil.

Líder da oposição é indiciado por sodomia na Malásia

O líder da oposição na Malásia, Anwar Ibrahim, foi acusado formalmente de ter praticado sodomia (sexo anal), depois de uma audiência no Tribunal da capital, Kuala Lumpur.

Ele se declarou inocente e afirmou que a acusação por ter sodomizado seu assessor é “maliciosa” e tem motivações políticas.

A sodomia é ilegal na Malásia e caso seja considerado culpado, Ibrahim pode ser condenado a até 20 anos de prisão.

Ibrahim foi libertado após pagamento de fiança depois da audiência de quinta-feira.

Em 1998, então vice-premiê, ele foi destituído do cargo após sofrer acusações similares e cumpriu pena de seis anos até a suspensão do veredicto que o considerou culpado.

Mais na BBC Brasil.


Um retrato de Gilmar Mendes


A foto bem-apessoada acima (ver no blog) está na galeria de presidentes do site do Supremo Tribunal Federal. Trata-se do ministro Gilmar Ferreira Mendes, 52, mato-grossense de Diamantino que já passou por vários cargos importantes até galgar ao escalão máximo dos juristas – e conceder dois habeas corpus em menos de uma semana ao banqueiro Daniel Dantas.

É o retrato dele que vou traçar agora. Nem sempre bem-apessoado, como veremos.

Vejam o texto completo na NOVAE ou no blog Tamos com raiva.

Cartel en EE.UU. demanda libertad para cubanos antiterroristas


La Habana, 7 ago (PL) Un cartel en demanda de la libertad de cinco cubanos presos en Estados Unidos por luchar contra el terrorismo será inaugurado hoy en la ciudad norteamericana de San Francisco.

La valla tiene el objetivo de exigir la inmediata excarcelación de René González, Ramón Labañino, Gerardo Hernández, Antonio Guerrero y Fernando González, recluidos en Estados Unidos desde hace casi 10 años.

Según una nota del diario Juventud Rebelde, el anuncio estará enclavado durante este mes en el centro de la céntrica ciudad estadounidense.

La valla recuerda -en inglés- que el próximo 12 de septiembre los luchadores cubanos cumplirán casi una década de injusta prisión por monitorear actos terroristas contra la Isla, organizados por grupos de la ultraderecha radicados en la Florida.


Texto completo na Prensa Latina.

Diplomatas são atacados por colonos judeus

Um grupo de diplomatas britânicos foi atacado nesta quinta-feira por colonos judeus na cidade de Hebron, na Cisjordânia, segundo informações do consulado da Grã-Bretanha em Jerusalém.

Os três diplomatas, o motorista e um guia estavam em um veículo blindado que foi chutado por um pequeno grupo de colonos. Nenhuma das pessoas no veículo ficou ferida.

Um porta-voz do consulado britânico informou que os diplomatas estavam fazendo uma visita a Hebron guiados por um ex-soldado israelense que agora trabalha para um grupo pacifista chamado Breaking the Silence ("Quebrando o Silêncio", em tradução livre).

Ao entrarem em uma parte da cidade habitada por colonos israelenses, na qual o acesso de palestinos é proibido, o grupo foi hostilizado e impedido de continuar.

PARA LER MAIS, CLIQUE AQUI.

Texas ignora decisão de Haia e executa mexicano

Um mexicano que havia sido condenado à morte nos Estados Unidos por estuprar e matar uma menina de 16 anos foi executado na noite desta terça-feira, após a Suprema Corte rejeitar um apelo de última hora e o Estado do Texas ignorar uma decisão da Corte Internacional de Justiça contrária à execução.

José Ernesto Medellín, de 33 anos, recebeu uma injeção letal e foi pronunciado morto às 21h57 (23h57 de Brasília) pelo Departamento de Justiça Criminal do Texas.

A Corte Internacional de Justiça (CIJ), baseada em Haia, na Holanda, havia ordenado ao Texas que não executasse Medellín, sob o argumento de que ele não havia sido informado sobre seu direito a ter ajuda consular ao ser preso.

Mais no UOL Notícias.

Testemunha descarta suicídio de militante uruguaia em 1974

Montevidéu, 6 ago (Prensa Latina) Uma nova testemunha refutou a versão oficial de que a militante comunista Nibia Sabalsagaray se suicidou depois de sua detenção em junho de 1974 e fortaleceu a tese de que foi assassinada por membros da ditadura militar.

O jornal La República confirmou hoje que ao comparecer ante o juiz Pablo Vomero e a promotora Mirtha Guianze, um ex rádio-operador do Exército sustentou a impossibilidade de que a jovem pudesse ter se enforcado em sua cela usando seu próprio lenço de cabeça e um gancho embutido na parede.

Segundo a testemunha, cuja identidade não foi revelada, mas que é o primeiro ex-militar a declarar sobre o caso, a militante da União de Juventudes Comunistas não pôde tirar a própria vida desse modo dada sua estatura e a altura na qual estava situado o gancho.


Texto completo na Prensa Latina.

Vírus capaz de infectar outro vírus

RIO - Virófago rouba informação genética do invasor e replica-se.

Foi descoberto um vírus que, além de infectar organismos, tem capacidade de contaminar outros vírus e obter os genes dos atacados. Assim, consegue evoluir geneticamente. A equipe da Universidade do Mediterrâneo, em Marselha, França, responsável pela estudo, nomeou o tipo de vírus de virófago.

Segundo contaram na revista Nature, cientistas observavam, através do microscópio, uma ameba infectada por uma cepa de mimivírus – o maior conhecido – quando descobriram um pequeno vírus, batizado de Sputnik, aderido à “fábrica de vírus” – local estabelecido por eles na ameba.


Texto completo no JB Online.

Enade põe em xeque 722 cursos

Pelo menos 508 não conseguiram ir além das notas 1 e 2 no Conceito Preliminar do Curso (CPC)

"Antes, a festa era grande. Todo mundo era aprovado pelo MEC", disse Haddad

BRASÍLIA - Quase um quarto dos cursos superiores das áreas de ciências da saúde e agrárias vai passar por uma vistoria do Ministério da Educação (MEC) durante o próximo ano. O resultado do Exame Nacional do Desempenho do Estudante (Enade), divulgado ontem pelo MEC, mostra que 508 cursos não conseguiram ir além das notas 1 e 2 no Conceito Preliminar do Curso (CPC), o novo instrumento utilizado pelo Ministério para avaliar as instituições.


Texto completo na Tribuna da imprensa online.

Procuradores apóiam Tarso Genro

Tese é de que atos de tortura são crimes contra a humanidade e lei não tem o poder de anistiá-los

SÃO PAULO - Os agente públicos envolvidos em atos de tortura e mortes durante o regime militar devem ser responsabilizados cível e criminalmente, pois os crimes cometidos por eles não podem ser considerados políticos ou conexos a atos políticos.

A defesa é dos procuradores da República de São Paulo Marlon Alberto Weichert e Eugênia Fávero, autores da ação civil pública contra os comandantes do DOI-Codi, entre eles o coronel Carlos Alberto Brilhante Ustra. "A Lei de Anistia não tem o poder de anistiar esses agentes públicos, pois os atos de tortura são crimes contra a humanidade", afirmou o procurador. De acordo com ele, crimes de repressão cometidos por agentes de Estado não podem ser considerados crimes políticos.


Texto completo na Tribuna da imprensa online.

Verbo Lutar

Entra no ar hoje o jornal eletrônico www.verbolutar.com.

Uma iniciativa, dentre as muitas que têm sido tomadas nos últimos anos, de furar o bloqueio da chamada grande mídia, a televisão principalmente. O propósito de anestesiar e alienar a opinião pública.

Verbo Lutar, mais uma página de esquerda na rede.

PHA vence em ação contra Mainardi e Abril

Em decisão julgada pela 5ª Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça de São Paulo nesta quarta-feira (06/08), Diogo Mainardi e a Editora Abril terão que pagar R$ 207.500,00 ao jornalista Paulo Henrique Amorim. Para o desembargador e relator do processo Oldemar Azevedo e outros dois juízes, o colunista da revista Veja se excedeu no texto publicado na edição da revista do dia 06/09/06.

Segundo Mainardi, Amorim está na fase descendente de sua carreira, e o iG o contratou por R$ 80 mil oriundos de fundos de pensão de empresas públicas.

Notícia completa no Comunique-se.


Faça o teste para saber se você bebe "com moderação"

Dra. Laura explica o que é "beber com moderação" por CONCEIÇÃO LEMES Final de tarde, travessa da Avenida Paulista, São Paulo. Toda sexta-feira um grupo de amigos se reúne num freqüentado bar da região para relaxar, comemorar, conversar. Num desses happy hours, regado a muitas cervejas e caipirinhas de vodca, pegou fogo o debate sobre a Lei nº 11.705, de 19 de junho de 2008 – a “lei seca”. Ela estabelece que o nível de concentração de álcool no sangue do motorista é zero. Quem for flagrado dirigindo, após beber qualquer quantidade de bebida alcoólica, é multado em R$ 955 e perde a carteira de habilitação por 12 meses. “Conversa vai, conversa vem, bebo duas a três cervejas [das grandes]”, diz Renato Campos*, 31, operador de um banco de investimentos. “Se a noite está ... Leia aqui o restante da matéria!

Ou seja, veja mais no Vi o Mundo.

Cruz Vermelha 'deplora' uso indevido de seu símbolo na Colômbia

O Comitê Internacional da Cruz Vermelha disse nesta quarta-feira que "deplora" o que chama de "uso indevido" de seu símbolo pelo governo colombiano, na operação que libertou a ex-senadora Ingrid Betancourt e outros 15 reféns das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) no início de julho.

Segundo a Cruz Vermelha, um vídeo veiculado pela TV colombiana na segunda-feira exibiu um membro da equipe do Exército colombiano vestindo um colete com o símbolo da organização antes mesmo de a operação ser iniciada.

"(…) Estas imagens estabeleceriam sem equívocos o uso indevido de um emblema da Cruz Vermelha, fato que lamentamos", disse em uma nota à imprensa o diretor-adjunto de Atividades Operacionais da organização, Dominik Stillhart

Mais na BBC Brasil.

Militares prendem presidente e tomam poder na Mauritânia

O Exército da Mauritânia, no noroeste da África, anunciou nesta quarta-feira que assumiu o poder, derrubando o primeiro governo democraticamente eleito da história do país.

O presidente, Sidi Ould Cheikh Abdallahi, e o primeiro-ministro, Yahia Ould Ahmed El Ouakef, foram presos por homens leais ao um general exonerado pelo presidente, Mohamed Ould Abdelaziz.

Abdelaziz, que era chefe da guarda presidencial até ser afastado, irá chefiar um Conselho de Estado foi formado para governar a Mauritânia.

Segundo o correspondente da BBC para a região James Copnall, há relatos de que Nuakchott, a capital do país, está calma, apesar da crescente presença de militares nas ruas em decorrência do golpe de Estado.

Mais na BBC Brasil.


Tribunal dos EUA condena motorista de Bin Laden

Um tribunal militar no centro de detenção americano da Baía de Guantánamo, em Cuba, condenou nesta quarta-feira o iemenita Salim Hamdan, ex-motorista do líder da rede extremista Al-Qaeda, Osama Bin Laden, por apoio ao terrorismo.

Esse foi o primeiro julgamento por crimes de guerra nos Estados Unidos desde a Segunda Guerra Mundial e o primeiro finalizado pelo tribunal especial criado pelo presidente George W. Bush para julgar suspeitos na “Guerra contra o Terror”.

A sentença de Hamdan deverá ser anunciada ainda nesta quarta-feira. Ele poderá ser condenado à prisão perpétua.

A defesa já anunciou que vai apelar da decisão.

Notícia completa na BBC Brasil. Triste é ler lá: "Segundo o correspondente da BBC em Washington Adam Brookes, o presidente americano deverá usar a conclusão deste primeiro julgamento como prova de que o sistema de Guantánamo funciona."


El ejército colombiano daba apoyo a los paramilitares de las Autodefensas Unidas de Colombia


Por: Dpa, Afp, Reuters y Notimex

06/08/2008


Mancuso dice que los generales Rito Alejo del Río, Martín Carreño e Iván Ramírez ayudaron a expandir el paramilitarismo,( en la foto)

El ex jefe paramilitar colombiano Hebert Veloza, quien está a punto de ser extraditado a Estados Unidos bajo cargos de narcotráfico, admitió en entrevista con el diario El Espectador que los grupos armados de ultraderecha asesinaron a miles de personas durante la lucha contra la guerrilla, en la cual contaban con el apoyo directo o indirecto de las fuerzas armadas.

Mejor conocido con el alias de HH, Veloza describió cómo los jefes paramilitares tenían libre acceso a los cuarteles del ejército y sus recursos, y dijo que no se explica por qué varios generales en activo y en el retiro no están siendo investigados por su participación en estos hechos.

En particular se refirió a Rito Alejo del Río, que le facilitó las instalaciones de un cuartel para mantener secuestrados ahí a dos guerrilleros de las Fuerzas Armadas Revolucionarias de Colombia, quienes luego fueron desaparecidos.

Según Veloza, el general Alejo conversó en varias ocasiones con el máximo líder de las Autodefensas Unidas de Colombia (AUC), Carlos Castaño, asesinado en 2004 por subalternos inconformes con su jefatura.

Asimismo, los paramilitares y los soldados habrían realizado patrullajes conjuntos, por lo que los oficiales deberían ser castigados, señaló HH.

“Nosotros éramos ilegales y son más culpables ellos que nosotros, porque ellos representaban al Estado y estaban obligados a proteger a esas comunidades y nos utilizaban a nosotros para combatir a la guerrilla. Nosotros cometimos muchos homicidios y tenemos que responder, pero ellos también deben responder”, dijo.

El ex dirigente de las AUC afirmó también que el proyecto de los paramilitares no fracasó, pues al cabo del tiempo logró debilitar a la guerrilla y arrebatarle el control de vastas zonas del país, aunque admitió que su perdición fue vincularse con el narcotráfico.

Veloza confesó que las tropas a su cargo “asesinaron a tres mil personas o más”, y que “murieron más inocentes que culpables, pero así es la guerra”.


Veja mais em RESISTENCIA en la red.

Ministério Público Estadual visita os sem-terra e defende a legitimidade do movimento

O Procurador Geral de Justiça do Rio Grande do Sul, Mauro Renner, visitou hoje, com uma comitiva de procuradores federais e estaduais e deputados, o Acampamento Jair Antonio da Costa (sindicalista assassinado pela Brigada Militar em 30 de setembro de 2005) e o Assentamento Capela, do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra (MST). Segundo Renner, o objetivo da visita foi “conhecer as angústias e destacar que os integrantes dos acampamentos e assentamentos do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra também têm direitos como cidadãos”. Em discurso feito aos integrantes do acampamento, situado às margens da BR 386, o procurador disse que “o Ministério Público não tem lado e defende o cidadão seja ele um policial ou integrante do MST”. “Todos são sujeitos de direito e devem bater na porta do Ministério Público sempre que necessitarem”, acrescentou.

A nota completa no RS Urgente.

terça-feira, 5 de agosto de 2008

Companheiro homossexual de militar tem direito a pensão

O companheiro homossexual de um militar morto terá direito de receber pensão pelo Exército Brasileiro. A 1ª Vara de Família, Órfãos e Sucessões do Gama (DF) reconheceu a existência de união homoafetiva estável entre o casal. Com essa declaração do Judiciário, o parceiro poderá pedir o benefício às Forças Armadas. O processo corre em segredo de Justiça e, por isso, os nomes dos envolvidos não foram revelados.

Curioso. O restante da notícia está no UOL Empregos. Curioso, não?

Oposição boliviana faz greve de fome a dias do referendo

A cinco dias do referendo revogatório, que vai decidir os mandatos do presidente Evo Morales, de seu vice e de oito governadores, líderes da oposição na Bolívia estão em greve de fome exigindo que o governo retorne às regiões produtoras de petróleo, parte da receita gerada pela venda do produto.

A greve, que começou no domingo em Santa Cruz, deve estender-se a cinco dos nove Estados bolivianos, cujos líderes formam o Conselho Nacional Democrático (Conalde), da oposição.

Mais no UOL Notícias.

Brasileiros vêem China mais como aliado que ameaça, diz pesquisa

Apesar das várias controvérsias envolvendo a China, especialmente na área de direitos humanos, os anfitriões da Olimpíada de Pequim parecem encontrar menos hostilidade no Brasil do que em outros países.

Dois em cada cinco brasileiros entrevistados em uma pesquisa da BBC disseram ver a China mais como um país aliado do que rival no cenário internacional.

Para 42% dos que responderam ao levantamento no Brasil, a China é vista como mais amigável do que ameaçadora, enquanto 31% acreditam que o país sede da Olimpíada de 2008 é mais um rival do que um parceiro.

Os resultados sugerem que os brasileiros, assim como os britânicos, têm uma visão mais positiva da China do que pessoas de outras nacionalidades.

Os que responderam à mesma pesquisa nos Estados Unidos, na Índia e na Coréia do Sul disseram que a China é vista mais como uma ameaça do que parceira.

O texto completo na BBC Brasil. Vizinhos a acham uma ameaça. Quem está mais longe tende a ser mais benevolente.


Álvaro Uribe - Justiça de bolso num país de bolso

Se ainda restavam dúvidas a alguém de que o presidente da Colômbia anda transitando pelos caminhos da inconstitucionalidade e acumulando poderes quase ditatoriais, a reforma da Justiça apresentada pelo ministro da pasta deixa as coisas bem claras: todo o poder a Uribe!

Veja mais no Terra Magazine.

"A aplicação arbitrária de uma lei anacrônica"

O sociólogo Sérgio Amadeu da Silveira, professor da pós -graduação da Faculdade de Comunicação Cásper Líbero, promoveu no início de julho um evento para discutir a relação entre internet e eleições. Crítico de primeira hora da resolução do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que enquadrou a internet na mesma categoria das mídias eletrônicas de massa, ele respondeu a três perguntas formuladas pela Revista do Brasil, de forma direta e objetiva.

A entrevista está no Terra Magazine.

3 milhões deixaram a pobreza entre 2002 e 2008

Pesquisa divulgada hoje pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) mostrou que três milhões de pessoas saíram da pobreza, nas seis principais regiões metropolitanas do País (Recife, Salvador, São Paulo, Porto Alegre, Belo Horizonte e Rio de Janeiro), entre os anos de 2002 e 2008. A taxa de pobreza nessas seis regiões caiu de 32,9% para 24,1% no período. As pessoas consideradas pobres em 2002 eram 14,352 milhões e agora caíram para 11,356 milhões.

LEIA MAIS CLICANDO AQUI.

Balada para torturadores?

Bastou que dois procuradores da República pedissem à Justiça que responsabilizasse os acusados de tortura, mortes e desaparecimentos durante a ditadura militar, para a blindagem jurídico-midiática reaparecer com disposição conhecida e os argumentos recorrentes.

LEIA O TEXTO DE CARONI FILHO AQUI.

Antropólogos da Funai denunciam perseguição em Mato Grosso do Sul

Dourados (MS) - Dois antropólogos e um motorista da Fundação Nacional do Índio (Funai) registraram hoje (3) um boletim de ocorrência na delegacia de polícia de Tacuru, a 422 quilômetros de Campo Grande. Eles afirmam que foram perseguidos em uma estrada na região por um automóvel Fiat Uno ocupado por dois homens que os fotografavam.

Os dois antropólogos fazem parte da equipe encarregada de identificar terras indígenas no sul de Mato Grosso do Sul que, futuramente, devem ser transformadas em reservas.


Texto completo na Agencia Brasil.

Usina demite 400 cortadores de cana por rejeitarem acordo

O resultado das negociações do Acordo Coletivo deste ano entre trabalhadores rurais do setor de corte de cana e a usina Gasa - pertencente ao Grupo Cosan - em Andradina (SP), terminou com saldo negativo para os trabalhadores. Além de não conseguirem a majoração no valor do piso salarial para os R$ 560,00 que era reivindicado no início, e, posteriormente, para R$ 540,00 em meio às negociações, ainda houve a demissão sumaria de aproximadamente 400 trabalhadores rurais.


Vejam o texto completo no VermelhoOnline.

segunda-feira, 4 de agosto de 2008

Exército inicia polêmica patrulha de ruas na Itália

Três mil soldados do Exército italiano começaram a patrulhar nesta segunda-feira as ruas das principais cidades da Itália, como parte de uma campanha do premiê Sílvio Berlusconi de melhorar a segurança.

domingo, 3 de agosto de 2008

Distribuir para crescer - Mauro Santayana

O que faz as revoluções não é o desespero, mas, sim, a esperança. Quando os povos se revoltam, revoltam-se na busca de uma vida melhor, em que haja mais pão e mais liberdade, que, juntos, significam dignidade. Mas as revoluções nem sempre se realizam com sangue e chumbo. Maria Auxiliadora Sampaio, de 28 anos, moradora de Fortaleza, foi assunto, na semana passada, do New York Times. Matéria assinada por Alexei Barrionuevo recolhe seu testemunho de vida, idêntico ao de milhões de outras pessoas, principalmente mulheres, que constituem a nova humanidade que emerge do chão do Brasil.

Leia o artigo completo no JB, ou no primeiro comentário abaixo.