segunda-feira, 8 de dezembro de 2014

Refinaria Abreu e Lima começa a produzir derivados de petróleo

A Petrobras começou a produzir derivados de petróleo na Refinaria Abreu e Lima (Rnest), unidade construída em Ipojuca, na Região Metropolitana do Recife (RMR), e que é alvo da Operação Lava Jato, que investiga o desvio de dinheiros na estatal. O processamento da primeira carga de petróleo na Unidade de Destilação Atmosférica (UDA) da refinaria gerou gás liquefeito de petróleo (GLP), nafta, diesel e resíduo atmosférico (RAT) – insumo para a unidade de coqueamento retardado.
Os produtos foram armazenados em tanques e esferas na própria Rnest. Também foi produzido gás combustível, que será utilizado na própria Refinaria Abreu e Lima. O principal objetivo da unidade é gerar 26 mil metros cúbicos óleo diesel, para completar a oferta do produto no mercado brasileiro.

Leia mais no Blog do Jamildo.

Um comentário:

zealfredo disse...

Não perca o foco: sem a Petrobrás, esta refinaria não existiria.