terça-feira, 27 de outubro de 2015

Zelotes sai do encalço do poder econômico para perseguir filho de Lula

Deflagrada em março deste ano, a Operação Zelotes já chegou a ser classificada como o oposto da Lava Jato: não tinha recursos para força-tarefa, nem juiz federal despachando na velocidade de Sergio Moro, ou o mesmo volume de delações premiadas e vazamentos seletivos, tampouco uma lista com mais de 50 políticos implicados publicamente em esquemas de desvio de dinheiro público. Consequentemente, não sentia o impacto da espetacularização dos fatos.
Mas há semanas alguns fatores mudaram, e o principal deles é que o foco da operação saiu do encalço de grandes grupos econômicos - como Rede Globo, bancos e empreiteiras - e de políticos já protegidos pelo foro privilegiado, e passou a perseguir a família do ex-presidente Lula (PT).
Foi o suficiente para transferir a Zelotes das tímidas páginas de jornais da mídia impressa para os espaços de destaque, aqueles destinados às denúncias bombásticas, mesmo que vazias.

Confira no Jornal GGN

3 comentários:

zealfredo disse...

Aguardando os trolls.

Anônimo disse...

Bom, o presidente do PT, Rui Falcão, admitiu que o filho de Lula é LADRÃO DO ERÁRIO, mas fez a ressalva de que trata-se de "peixe pequeno" diante dos outros ladrões pertencentes à quadrilha petista e assemelhados!!! Ou seja, a Justiça terá que mandar prender esse Lulinha ou se desmoraliza!!!

zealfredo disse...

"A operação Zelotes envolve bilhões e empresas grandes do nosso mercado. A única busca e apreensão para valer que nós vimos foi na casa do filho do Lula, por uma coisa transversa de que ele teria participado de venda de uma medida provisória, sem comprovação", afirmou."

Isso segundo uma fonte antipetista, o UOL: http://noticias.uol.com.br/politica/ultimas-noticias/2015/10/28/presidente-do-pt-ve-perseguicao-a-filho-de-lula-estao-atras-de-peixinho.htm

Ou seja, o comentarista troll, ALÉM DE SE ESCONDER SOB O ANONIMATO, AINDA MENTE DESCARADAMENTE.
Mas o que se pode esperar de um troll, não é mesmo?