terça-feira, 31 de janeiro de 2012

Esta bala do futuro corrige sua própria trajetória





O que é esta trilha fantasmagórica na foto? Uma bala, voando e fazendo seu próprio caminho para atingir um alvo distante. Isso é ficção científica — com 4 polegadas, e lançada pelo cano de uma arma.
A bala guiada foi criada no Sandia National Laboratories, um laboratório de armas mantido pelo Departamento de Energia dos EUA e pela Lockheed Martin. Por lá, mentes brilhantes produziram este projétil, que corrige sua própria trajetória até trinta vezes por segundo por mais de 3 mil metros para atingir um alvo marcado com um laser, no melhor estilo de um míssil. Vento? Temperatura? A rotação da terra? Nada disso será um problema para essas balas, que mudam os dados navegacionais por meio de um sensor interno.

Leia mais no Gizmodo Brasil.

2 comentários:

zealfredo disse...

Parece o velho filme "Runaway, fora de controle", com o Tom Selleck se tornando realidade.

zejustino disse...

Ora, os criminosos de guerra de Washington estão apurando as miras para poderem assassinar mais "inimigos" dos EUA.