quarta-feira, 23 de março de 2016

O xadrez dos impasses no jogo do impeachment

Grupos como o “Vem para a rua” estão trabalhando a rede com o máximo de profissionalismo. Montaram sites com a ficha de cada deputado, sua posição em relação ao impeachment e dados pessoais, sobre como e onde constrangê-los, além do uso abundante de robôs, especialmente no Twitter, e de sites de disseminação de notícias falsas. E, óbvio, com a retaguarda do maior dos perfis das redes sociais: os veículos de comunicação.
Do lado dos lulistas, há também o uso de robôs, de sites com notícias falsas. Mas com eficácia reduzida.
Quando menciono " lulistas", não se pense em uma ação estruturada com um comando central, mas em ações dispersas por parte de simpatizantes.

Confira o texto completo no Blog do Luís Nassif

Um comentário:

zealfredo disse...

O xadrez dos impasses no jogo do impeachment