quinta-feira, 18 de junho de 2015

Japão condena construção das ilhas artificiais chinesas em zona em disputa

O Japão condenou nesta quarta-feira a construção das ilhas artificiais chinesas em zonas disputadas do Mar da China Meridional, unindo sua voz aos protestos dos Estados Unidos. "Não podemos aceitar esta forma de atuar de políticas de fatos consumados", declarou o porta-voz do governo japonês, Yoshihide Suga, enfatizando a preocupação do Japão a respeito.

Os chineses são acusados de realizar grandes operações no Mar da China Meridional para transformar recifes de coral em portos e infraestruturas com o objetivo de formar terreno sobre as águas - 800 hectares nos últimos 18 meses, segundo Washington - e estender assim sua soberania.


Confira no Correio do Povo

Um comentário:

zealfredo disse...

Ilhas no Mar da China Meridional...